O botão curtir - Giano Guimarães

O botão curtir

Hoje eu procurei o botão curtir no final da página de um livro de poesia que eu lia. Me senti estranho. Tanto por não poder curtir o poema na folha de papel, quanto por perceber esta relação louca que o mundo virtual nos trouxe. Foi um pensamento automático: vou curtir, eu pensei, mas eu não estava de frente para um ambiente virtual. Virão os dias onde teremos o botão curtir em tudo?

Curtir já não é mais apenas um verbo, é também um botãozinho virtual no formato de uma mão com o polegar para cima. O curtir de hoje, já não é como o curtir de ontem. Ninguém mais diz eu te curto, no presente, como quem diz eu te gosto... Curtir é um verbo utilizado no tempo passado, todos dizem agora: "eu te curti". O eu te curti é transitório, passageiro, é uma ação momentânea. Será que quem curte minha foto me curte, ou curtiu porque é gentil dar uma curtidinha? Com o mundo virtual, muitas coisas tem ganhado novos significados. Coisas que fogem à nossa percepção e até compressão.


Giano Guimarães

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário