O pai ao filho em face do Cristo - Geir Campos

O pai ao filho em face do Cristo

Não direi maravilhas
para que não duvides
num mundo assim pandemônio tornado:
antes, diria, era uma vez um homem
capaz de muito amar (inclusive mulher)
e que de amor tentou falar a uns bárbaros
mas percebendo que não o entendiam
serviu-lhes numa cruz a própria carne
e deu-lhes de beber o próprio sangue
e o que tinha a dizer trançou em fábulas
nem todas ainda agora debulhadas
e assim passou por deus na terra — um homem
desses que passam pensando em mudar a estrada.

Geir Campos

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário