Alberto Caeiro - Assim como

Assim Como

Assim como falham as palavras quando querem exprimir qualquer
pensamento,
Assim falham os pensamentos quando querem exprimir qualquer realidade,
Mas, como a realidade pensada não é a dita mas a pensada.
Assim a mesma dita realidade existe, não o ser pensada.
Assim tudo o que existe, simplesmente existe.
O resto é uma espécie de sono que temos, infância da doença.

Uma velhice que nos acompanha desde a infância da doença.

De Poemas Inconjuntos
Alberto Caeiro (heterônimo de Fernando Pessoa)

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário