Balada do amor - Poema de Solano Trindade

Balada do amor
É preciso fugir
De todo o amor que faz sofrer
É preciso fugir do amor...
Talvez a chuva lá fora faça bem
Talvez o frio da noite
Seja como alguém...

Solano Trindade



Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário