Perdi você - Estevo Lima

Perdi você

A chuva fina que cai lá fora
Não lhe impede de chegar.
E a tormenta das horas
Que insiste em passar.
A noite chega e traz o medo
Com sigo que chicoteia.
Onde será que você está
E o porquê da demora.
Estarás sozinha, na chuva,
Nos braços de alguém.
O desespero toma conta
A casa pequena fica
A angustia me sufoca.
A solidão o seu lugar assume.
Tua imagem da cabeça não sai
A ansiedade devora a calma.
A tristeza toma conta do lugar.
Vejo sem dormir
A madrugada chegar
E ate ao amanhecer é uma
Eternidade pra passar.
A chuva fina continua
E eu desesperado pela volta tua
Conformo-me mesmo sem querer
Quanto tempo ainda falta
Pra essa mente cansada
De uma vez por todas entender.
Que no dia em que partiu
decididamente saiu
nesse dia perdi você...

Estevo Lima


Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário