Murilo Vilela - Canção para o Tocantins

Canção Para o Tocantins

Tocantins, rio beleza
Que a natureza
Fez pra mim

Fez pra você
Pra todos nós
Para teus olhos
Pra minha voz

Rio que leva meu coração
Brilhando cristais
Entre os mananciais
Do meu belo torrão.

Saudades levadas
Em teus paredões
Amores de areia
Eternas canções
Que nascem das águas
Em tuas manhãs.

E o que vento que afaga
As ondas e a gente
É um sopro de vida
É abraço envolvente
Na visão encantada
Das belas Correntes

E as águas que chegam
Ou as águas que passam
São amores que nascem
Ou ilusões que esfumaçam.
Somos nós e o rio
Que em espumas se abraçam

Tocantins, meu tocantins
De água, pedra e areia
É feito o teu coração.
Deixa que fique gravado
No teu mais profundo leito
Este amor que vem do peito
Nos versos desta canção.

Murilo Bahia Brandão Vilela


Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Estou. Enteresada em sua biógrafia.so que nao encontro em lugar algum....como faso para ter aseso a ese material.😞

    ResponderExcluir